Voltar

Constelação Brahms #4

4
EXTENSÃO DO ROMANTISMO

© João Pereira

Neste quarto recital do ciclo Constelação Brahms do MUSEU DA CIDADE | Extensão do Romantismo teremos a oportunidade de testemunhar algumas das mais marcantes obras de dois geniais compositores do romantismo (Johannes Brahms e Sergei Rachmaninov). Na Sonata para violoncelo e piano que Rachmaninov dedicou a Anatoliy Brandukov, sublinha-se o piano, elevando-o ao violoncelo para ser responsável, inclusivamente, pela apresentação de vários temas musicais. O Trio para piano, violino e violoncelo de Brahms foi composto quando o compositor tinha apenas 20 anos, sendo uma das poucas obras com vários andamentos que se inicia numa tonalidade maior, terminando numa menor. São intérpretes três notáveis músicos que, oriundos de países distintos, demonstram que a música é polo de união Carolina Frederico, Jed Barahal e Vasco Dantas. 

 

INTÉRPRETES
Carolina Frederico (violino)
Jed Barahal (violoncelo)
Vasco Dantas (piano)

 

AUTOR E OBRA MUSICAL
Sergei Rachmaninov (1811-1886) 
Sonata para violoncelo e piano em sol menor, Op. 19 

  1. Lento – Allegro moderato

 

AUTOR E OBRA MUSICAL
Johannes Brahms (1833-1897)  
Trio para piano, violino e violoncelo nº 1 em si maior, Op. 8 

  1. Allegro con brio – Tranquillo – In tempo ma sempre sostenuto
  2. Scherzo: Allegro molto – Meno allegro – Tempo primo
  3. Adagio 
  4. Finale: Allegro

 

Carolina Frederico é violinista da Orquestra Filarmónica Portuguesa desde 2017. Integrou a Orquestra do Teatro Nacional Cláudio Santoro em Brasília, Distrito Federal, por mais de 15 anos como concertino e solista. Também foi solista de outras orquestras como a Filarmónica de Brasília, Sociedade de Concertos de Brasília e a Orquestra Sinfónica da OSPA em Porto Alegre.Ao longo de sua carreira artística sempre participou em vários projetos cameríscos tais como o Trio de Piano BEC e o Quarteto de Cordas Cláudio Santoro na capital do Brasil, entre outros.Começou seus estudos de violino com os professores Fredi Gerling e Marcello Guerchfeld da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, no Brasil. Aos 18 anos, ingressou na Universidade Eastman School of Music, NY, sob a tutela da professora Lynn Blakeslee. Concluiu o Mestrado em performance do violino na University of Alberta, Canadá, sob a orientação do Professor Martin Riseley. Também foi professora de violino na Universidade de Grande Prairie no Canadá.

 

Jed Barahal tem origem norte-americana e reside em Portugal há mais de 30 anos. Tem desenvolvido a sua carreira em três continentes como solista, em recital e em música de câmara. Mestrado em música pela Yale University e licenciado pela Juilliard School de Nova Iorque. Possui um extenso repertório que abrange todos os estilos. Foi 1º violoncelo solo da Orquestra Sinfónica do Estado de São Paulo (Brasil), Orquestra do Capitólio de Toulouse (França), e da Régie Sinfonia do Porto, entre outros. Entre as suas gravações de CDs figuram obras de George Crumb, Carlos Azevedo, Jorge Peixinho, Astor Piazzolla e António Pinho Vargas. Em 2006 lançou um CD comemorativo com obras de Fernando Lopes Graça e Luís de Freitas Branco, com a pianista Christina Margotto, com quem mantém um duo há 25 anos. Tem realizado várias integrais das Suites de Bach para violoncelo solo. É professor adjunto da Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo do Instituto Politécnico do Porto desde 1993, e ministra com frequência seminários de violoncelo em várias escolas de música no país e no estrangeiro.

 

Vasco Dantas, pianista português nascido no Porto em 1992, obteve a Licenciatura em Música com ‘1st Class Distinction’ no London Royal College of Music. Concluiu o Mestrado em Performance, com nota máxima, sob a orientação de Heribert Koch, na Universidade de Münster, onde é aceite para o Doutoramento “Konzertexamen”. Ganhou mais de 50 prémios em competições internacionais na Alemanha, Grécia, Itália, Malta, Marrocos, Portugal, Espanha e Reino Unido. Dos prémios mais recentes destacam-se: Prémio Internacional GianClaudio (Roma), “Grand Prix” no Concurso Internacional de Piano de Valletta (Malta), “Prix Spécial” no Concours International de Piano SAR La Princesse Lalla Meryem (Morroco), 1º prémio no Concurso Internacional do Porto Santa Cecília, 1º Prémio no Concurso de Música Estoril Lisboa, 3º Prémio no Concurso Münster Steinway & Sons, “Medalha de Mérito de Ouro” da cidade de Matosinhos (Portugal) e o Prémio “Fundação Eng. António de Almeida”.

 

BILHETES

BILHETEIRA ONLINE
Nas Estações do MdC ou no local.

 

Entrada
4€

 

Cartão Porto., Titulares do cartão de Bibliotecas, Colaboradores da CMP e Empresas Municipais
2€

 

Estudantes
2,80€

 

Lotação total
40 lugares